Fernando Fernandes (FF)

terça-feira, julho 25, 2006

Entrevixta ao FF

À semelhança de outros sucessos recentes da música portuguesa – como os D’ZRT, a banda da novela ‘Floribella’, Patrícia Candoso ou os 4 Taste, o ‘passaporte’ para a concretização do “sonho de infância” de Fernando Fernandes surgiu sob a forma de ‘casting’. Quando foi chamado a prestar provas para ‘Morangos com Açúcar’, o jovem – que já tinha tirado um curso de música e outro de teatro, este último no Teatro Experimental de Cascais – cantou uma canção de Rui Veloso (‘O Meu Primeiro Beijo’) que, pelos vistos, ficou nos ouvidos da produção.
Uma semana depois, o garoto, nascido em Almada mas criado num monte alentejano, estava a dar os primeiros passos no mundo mágico da televisão. Pouco depois, a sua personagem, ‘Tomé’, revelava o seu gosto pela música o que daria ao actor a possibilidade de gravar o seu primeiro CD, o que aconteceu em apenas dois dias!
O álbum de estreia, intitulado ‘Eu Aqui’, saiu para a rua a 2 de Maio e em pouco mais de dois meses atingiu vendas superiores a 60 mil unidades. Desde então, F.F, já fez mais de 15 concertos um pouco por todo o País e tem mais de 30 agendados, entre os quais se incluem as actuações nos Coliseus.
Até ao final do ano, o cantor espera agendar ainda mais actuações e para o início de 2007 já tem planos para a gravação do segundo disco.
"É MUITO ESTRANHO SER ESTRELA"
Fernando Fernandes, actor e cantor
Correio da Manhã – Como está a preparar estes concertos nos Coliseus de Lisboa e Porto?
F.F. – São espectáculos de muita responsabilidade e estamos a ter ensaios diários, eu e a minha banda. Vamos ter algumas surpresas muito boas, convidados especiais, inclusive dos ‘Morangos’, e vamos mostrar algumas novidades em termos musicais.
– Como é ser ‘estrela’ da pop com apenas 19 anos?
– É muito estranho, é uma responsabilidade. Sinto que tenho de fazer o meu trabalho cada vez melhor e, acima de tudo, continuar a dar o melhor de mim.
– Qual foi a maior surpresa que te aconteceu na ainda curta carreira?
– As melhores surpresas são as reacções das pessoas nos concertos. Cantam as músicas, gostam daquilo que estão a ver e isso dá-nos um grande alento para estarmos em cima do palco.
– E o que pior te aconteceu?
– É o tempo, o tempo que nos falta, mas por outro lado também estou a fazer aquilo de que gosto, que é ouvir música e ir a concertos. Só que agora estou do outro lado.
– E a tua namorada não se ressente da falta de tempo?
– Não tenho namorada... por enquanto.
– Em que papel te sentes melhor, como actor ou cantor?
– Adoro as duas coisas, estudei para ambas. É-me muito difícil dizer de qual gosto mais.
– Qual foi a coisa mais bizarra que já te aconteceu?
– Foi baterem-me à porta de casa para me pedirem um autógrafo. Foi o mais original que me aconteceu.
PERFIL
Fernando Fernandes nasceu há 19 anos em Almada, mas aos sete anos foi morar para o Alentejo. Aos dez anos participou no programa de jovens talentos ‘Bravo Bravíssimo’, da Sic, através do qual representou Portugal em Itália. Depois da experiência, ingressou numa academia de música para ter aulas de voz e aprender a tocar vários instrumentos. Aos 16 anos, voltou para Lisboa para estudar representação.

1 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home


Estadisticas y contadores web gratis
Oposiciones Masters
courses: Master Logistica
Gostas do meu blog??
Sim, gosto. É muito fixe
Nem gosto, nem desgosto...
Ainda tem muitas coisas para melhorar
Não gosto